Recent Posts

Archive

Tags

Sintomas da infecção por Coronavírus

Coronavírus é na verdade o nome dado a um grupo de vírus pertencentes à mesma família, a Coronaviridae, que são responsáveis por infecções respiratórias que podem ser leves ou bastante graves dependendo do coronavírus responsável pela infecção. O coronavírus possui um tempo de incubação entre 2 e 14 dias, ou seja, o vírus pode levar até 2 semanas para o aparecimento de sintomas da doença. Além disso, os sintomas de infecção por coronavírus são iguais aos de uma gripe ou resfriado, podendo haver: • Coriza; • Tosse; • Dor de cabeça; • Mal estar; • Dor de garganta; • Febre. No caso das infecções mais graves, podem surgir também sintomas sistêmicos, como dores musculares e sintomas gastroin

O que é e como acontece a hemostasia?

De um modo simplificado, usa-se o termo hemostasia para a interrupção fisiológica de uma hemorragia ou para os procedimentos que têm por finalidade conter sangramentos. Trata-se de um conjunto de mecanismos que bloqueia a hemorragia, mantendo o sangue dentro dos vasos, sem coagular nem extravasar, em que se previnem processos hemorrágicos espontâneos e sangramentos traumáticos. Esse processo depende da resistência e contratilidade dos vasos, da constituição e elasticidade dos tecidos periféricos, da atividade normal das plaquetas, de um sistema adequado de coagulação e da estabilidade do coágulo que se forma. Didaticamente ocorre em três etapas dependentes de forma simultânea: 1. Hemostasia

O que fazer em uma situação de estado de choque?

O choque é uma situação que surge quando a quantidade de oxigênio no corpo está muito baixa e toxinas se acumulam, podendo causar lesões em vários órgãos, colocando a vida em risco. O estado de choque pode surgir por diversas causas e, para cada caso, o choque tem uma definição específica, como choque anafilático, séptico ou hipovolêmico, por exemplo. Dentre alguns sintomas estão, febre acima de 40ª C, convulsões, frequência cardíaca muito elevada, respiração rápida e desmaio, além de, diminuição da pressão arterial, sonolência, dentre outros. Quando existe suspeita de um caso de choque é muito importante ir ao pronto socorro o mais rápido possível, para iniciar o tratamento adequad

Triglicerídeos altos: o que fazer?

Os triglicerídeos são um tipo de gordura presente no sangue, que em níveis acima de 150 ml/dL em jejum, pode aumentar o risco de doenças cardíacas e de derrame, principalmente quando o colesterol também está alto. O aumento dos níveis de triglicerídeos no sangue potencializa o risco de desenvolver aterosclerose, pancreatite, esteatose hepática, sofrer um derrame cerebral (AVC) ou ter uma isquemia cerebral. E para combater é recomendado praticar atividades físicas regularmente, 30 minutos de caminhadas diárias no mínimo, e ingerir uma alimentação saudável, rica em fibras solúveis. Por outro lado, quando a quantidade de triglicerídeos no sangue está abaixo de 35 ml/dL, também pode indicar prob

  • Messina Clinic Youtube

© 2020 by Messina Clinic Ltd.