Recent Posts

Archive

Tags

Você também sofre com os transtornos causado pelas alergias alimentares?

Há pessoas que tem drásticas restrições em seu cardápio. Não podem comer frutas, legumes e verduras cruas. Há ainda restrições a laticínios, soja, glúten, lactose, nozes e frutos do mar?

Isso pode resultar na necessidade de ter que cortar pão, leite, queijo, iogurte, cereais, peixe, macarrão, pizza, molhos prontos, bolos, biscoitos e chocolate - uma lista que não para por aí.

Existe um número crescente de pessoas que precisam evitar diariamente diversos alimentos para prevenir doenças e até a morte.

Combinado a isso a pessoas que combinam a síndrome da alergia oral, conhecida como síndrome pólen-alimento, que causa coceira, inchaço e desconforto na boca e garganta após a ingestão de frutas ou verduras e legumes crus.

Esse tipo de alergia aumentou significativamente nos últimos 20 anos, se tornando a principal forma de alergia alimentar no Ocidente, por exemplo, segundo especialistas.


LIDANDO COM ALERGIAS


- A alergia é uma reação produzida pelo sistema imunológico do corpo quando exposto a uma substância normalmente inofensiva.

- Existem basicamente dois tipos de medicamentos que podem ser usados ​​para aliviar os sintomas de uma reação alérgica a alimentos: anti-histamínicos e adrenalina para reações graves.

- A adrenalina funciona estreitando os vasos sanguíneos para neutralizar os efeitos da pressão arterial baixa e abrindo as vias aéreas para ajudar a aliviar as dificuldades respiratórias.

- A síndrome da alergia oral é causada por anticorpos que confundem certas proteínas em frutas frescas, nozes ou vegetais com pólen. É possível desativar os alérgenos cozinhando qualquer fruta, legume e verdura.






  • Messina Clinic Youtube

© 2020 by Messina Clinic Ltd.