Recent Posts

Archive

Tags

Depressão: Por que a versão atípica da doença é tão perigosa?

Geralmente é difícil de identificar, pois os sintomas estão frequentemente mascarados por falsas demonstrações de felicidade


Muitas pessoas dizem que um sorriso é sinônimo de felicidade. Existem pessoas que são capazes de sorrir e viver momentos alegres, e mesmo assim ainda nutrir sentimentos suicidas.

Esse quadro popularmente é conhecido como "depressão sorridente" – o termo clínico, na verdade, é depressão atípica.

A situação é difícil de identificar aqueles que sofrem da doença exatamente porque os sintomas são frequentemente mascarados por falsas demonstrações de felicidade e porque, muitas vezes, são pessoas sem motivo aparente para estarem deprimidas: têm um trabalho, uma casa, amigos e até cônjuge e filhos.

Alguns dos sintomas, contudo, podem nos ajudar a detectar quando alguém - ou nós mesmos - está deprimido, ainda que dê mostras pontuais de felicidade.


SINTOMAS

Eles variam de uma pessoa para outra, mas alguns são chave:

  • Uma melhora temporária do estado de ânimo - provocada, por exemplo, pela chegada de boas notícias, da mensagem de um amigo ou elogio do chefe - seguida de uma recaída;

  • Aumento do apetite e ganho de peso;

  • Dormir por longas horas e, ainda assim, sentir sono durante o dia (enquanto outros tipos de depressão fazem as pessoas dormirem menos);

  • Sensação de torpor e peso nos braços e nas pernas em vários momentos durante o dia;

  • Maior sensibilidade a críticas e rejeição, que pode afetar as relações pessoas e de trabalho.


MAIS PERIGOSA


A dificuldade de se perceber que uma pessoa que aparentemente se encontra bem está com depressão faz desta modalidade da doença mais perigosa que as outras. De um lado, aquele que sofre da doença atípica demora mais a procurar tratamento por não conseguir identificá-la.




  • Messina Clinic Youtube

© 2020 by Messina Clinic Ltd.