top of page
  • Foto do escritorMessina Clinic

Por Quanto Tempo os Bebês Carregam a Imunidade da Mãe?


Bebes Imunidade Messina Clinic

Durante os últimos 3 meses de gravidez, os anticorpos da mãe são passados para o bebê ainda não nascido através da placenta. Esse tipo de imunidade é chamado de imunidade passiva porque o bebê recebeu anticorpos em vez de produzi-los.


Os anticorpos são proteínas especiais que o sistema imunológico produz para ajudar a proteger o corpo contra bactérias e vírus.


A quantidade e o tipo de anticorpos passados para o bebê dependem muito da imunidade da mãe. Por exemplo, se a mãe teve catapora, ela deve ter desenvolvido imunidade contra a doença e alguns dos anticorpos contra a catapora serão passados para o seu bebê. Mas caso a mãe não tenha tido catapora, o bebê não estará protegido. A imunidade em recém-nascidos é apenas temporária e começa a diminuir após as primeiras semanas ou meses.


O leite materno também contém anticorpos, o que significa que os bebês amamentados têm imunidade passiva por mais tempo.

O leite espesso e amarelado (colostro) produzido nos primeiros dias após o nascimento é particularmente rico em anticorpos. Bebês prematuros correm maior risco de desenvolver uma doença porque seus sistemas imunológicos não são tão fortes e não receberam tantos anticorpos.


Como a imunidade do recém-nascido é apenas temporária, é importante começar a vacinação infantil quando seu bebê tiver 2 meses de idade. Isso se aplica a bebês prematuros ou no tempo certo.


A primeira vacinação, dada quando seu bebê tem 2 meses de idade, inclui coqueluche e Hib (haemophilus influenza tipo b) porque a imunidade a essas condições diminui mais rapidamente.


A imunidade passiva ao sarampo, caxumba e rubéola pode durar até um ano, e é por isso que a vacina MMR é administrada logo após o primeiro aniversário do bebê (embora possa haver algumas circunstâncias em que a vacinação mais cedo seja recomendada).


Fonte: NHS




Comentários


bottom of page