• adrianasouzaj

Seis Passos para Melhorar a sua Saúde Mental


Uma dos sintomas que tem ficado cada vez mais evidente durante (e após) a pandemia, é que a maioria das pessoas está enfrentando algum problema mental/psicológico.

Em todas as culturas, já se observava muitos problemas de saúde mental muito antes da pandemia, incluindo – mas não se limitando a – estresse, ansiedade, baixa autoestima, problemas alimentares e conflitos familiares. Todos esses desafios foram exacerbados ao longo dos últimos anos.

A ideia seria fazer um balanço honesto de seu próprio bem-estar emocional hoje. Você está se cuidando? Está sofrendo desnecessariamente? Orgulha-se de estar ocupado, quando na verdade está exausto? Está escondendo a depressão ou a ansiedade para proteger as pessoas ao seu redor?

A seguir estão seis passos que você pode começar hoje mesmo para melhorar o seu bem-estar mental e o das pessoas no seu circulo social.

Bem-estar diário

Cuidar de si mesmo emocionalmente começa logo no início do dia – de preferência antes de seus pés tocarem o chão. Em vez de verificar as redes sociais ou começar a trabalhar, respire fundo algumas vezes e considere três coisas pelas quais você é grato. Podem ser grandiosos, como seu companheiro, trabalho ou saúde, ou modestos, como o clima, a vista da janela ou mesmo o luxo daqueles primeiros respiros.


Tente “sair” da sua própria mente

Quando estamos ansiosos ou deprimidos, pensamentos ruminantes tendem a ocupar nossas mentes. Assim, examinamos a gravidade ou novas dificuldades mentais e, quanto mais buscamos, mais tendemos a descobrir.

Além disso, a depressão, ansiedade e preocupações emocionais tendem a se amplificar quando permanecem como nosso único foco.


Remova o desnecessário

Nos últimos anos, não há dúvida de que estamos muito ocupados e reservamos pouco tempo para relaxar e fazer praticamente nada. O dia de hoje apresenta uma oportunidade maravilhosa de considerar o que podemos tirar de nossa vida diária que pode aumentar a paz de espírito e apoiar o bem-estar emocional.

Este é um dia para remover o orgulho equivocado da palavra “ocupado” e focar não em tudo o que podemos fazer, mas no que realmente precisa ser feito – e no que não precisa. Na verdade, a pandemia apresentou uma oportunidade única para isso.


Avalie seus relacionamentos

Avalie como cada um de seus relacionamentos está funcionando para você. Você está dando mais do que recebe de um irmão ou amigo? Você se sente esperançoso e reabastecido depois de um encontro para um café com um conhecido? Muitos de nós gastamos muito tempo e energia em relacionamentos que são tóxicos ou unilaterais, o que pode incluir ate conexões de redes sociais.


Conecte-se mais profundamente com as pessoas

Pratique o autocuidado e também observe a saúde mental das pessoas ao seu redor: da sua família, amigos, vizinhos e qualquer outra pessoa próxima. Algumas pessoas próximas a você podem estar sofrendo, mas são adeptas a esconder esses sentimentos.

Fale para elas o quanto você as ama e apenas pergunte como elas estão se sentindo.


Esteja disposto a mudar

Muitas pessoas têm afirmado obstinadamente que sabem o que é melhor para eles e, com muita frequência, continuam com os maus hábitos, mesmo quando buscam ajuda.Tire uma hora por semana de foco e autocuidado, seja por meio de terapia ou outras práticas. Você aprenderá muito sobre como sua mente funciona e como poderá remover os obstáculos ao bem-estar – aqueles que você já se apega há anos.

Posts Relacionados

Ver tudo